PUBLICIDADE
DELÍCIAS LANCHONETE E PETISCARIA "LUGAR DE GENTE FELIZ!" - TELE-ENTREGA: 3315-1426
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Ipatinguense é candidata a prefeita em Framingham nos EUA
09/05/2017 09:01 em Internacional
Moments Suspended in Time Photography


Brasileira naturalizada estadunidense quer ser prefeita

Priscila, 28 anos, reside nos Estados Unidos desde 1995, é cidadã estadunidense há aproximadamente seis anos e filiada ao Partido Democrata


A brasileira Priscila Sousa, nascida em Ipatinga, é uma das postulantes ao cargo de prefeito de Framingham, uma vila localizada em Massachusetts que se tornará município a partir de janeiro de 2018. Priscila, 28 anos, reside nos Estados Unidos desde 1995, é cidadã estadunidense há aproximadamente seis anos e filiada ao Partido Democrata. “Estou admirada com o apoio da comunidade brasileira aqui”, destacou Priscila em conversa com o Portal Diário do Aço. 

Priscila Sousa tinha sete anos quando foi para os Estados Unidos com a família e concluiu o ensino médio em Framingham, na Marian High School. Tem bacharelado em Ciências Políticas do Simmons College, em Boston, e completou estágio na State House com a senadora Barbara L’Italien durante sua carreira como deputada estadual. “Embora não faça parte da minha formação acadêmica, tenho experiência em campanhas – em 2012 trabalhei na campanha de reeleição do ex-presidente Barack Obama em Las Vegas, Nevada”, concluiu.

Priscila explica que decidiu lançar sua candidatura à prefeitura de Framingham por entender que esta é uma fase “bastante emocionante na história de Framingham”, e acredita que, nesta fase, exista uma grande oportunidade para o governo municipal ser mais inclusivo. 
“Estou envolvida no governo municipal faz algum tempo e comecei a ficar frustrada porque, embora sejamos de um lugar onde uma boa parte da população seja de imigrantes, não temos representação adequada no governo. Então, cheguei à conclusão que a melhor coisa a fazer seria me candidatar”, enfatizou.

Priscila acrescenta que foi em Framingham onde se adaptou à cultura dos Estados Unidos. “Como todos nós, eu quero o melhor para a cidade e creio que a visão que tenho para a cidade irá trazer a nossa melhor fase”, detalhou.
Sobre suas plataformas de governo a ipatinguense citou a transparência no governo local, apoio para os mais necessitados da comunidade (especialmente para as famílias que sofrem as consequências de vícios de drogas), amparo para as crianças e um empenho em aumentar a diversidade no governo municipal.

Diversidade
Antes mesmo de definir um slogan de campanha, a brasileira observa que a “hashtag” #SousaForMayor tem aparecido em alguns lugares no Facebook.

Perguntada se teme alguma manifestação de racismo ou preconceito, Priscila afirmou que “Framingham é uma cidade com uma população diversa, onde todo mundo acha seu lugar e todos são bem vindos”.

A jovem, que se diz desvinculada de grupos e organizações, afirma que o seu foco no momento é representar os interesses do povo antes de se alinhar aos interesses de qualquer outra organização maior. Sem essa vinculação, a brasileira espera doações e trabalho voluntário em sua campanha. “Curta a nossa nova página no Facebook. Estamos terminando nosso website que, em breve, estará disponível para o público. Vamos manter todos atualizados através da nossa página do Facebook até então”, pontuou.

A ipatinguense também precisa de 500 assinaturas de eleitores cadastrados em Framingham para que possa concorrer oficialmente. A eleição municipal em Framingham está marcada para 7 de novembro. (Com informações de Jehozadak Pereira). (Fonte: Portal Diário do Aço).

COMENTÁRIOS
 
Start Counter